(51) 9319.5394 Rua Coronel Bordini, 689/301 Moinhos de Vento Porto Alegre RS

INTELIGÊNCIA ERÓTICA


Para mim, Inteligência Erótica é uma possível descendente das 9 inteligências descritas por Howard Gardner 1983. Ele descreve que as pessoas tem diferentes tipos de inteligências, entre elas a Intrapessoal que é a capacidade de compreender a si próprio, o que sente, o que deseja e contempla a curiosidade de saber quem você é. A inteligência erótica é decorrente das experiências vividas durante o desenvolvimento da pessoa, o que você pode fazer, o que você quer fazer, como você reage as coisas, o que evitamos e desejamos frente a sexualidade. É diferente de racionalizar o erotismo, pois seria colocar ordem, tornar racional, lógico e coerente. O Erotismo/erótico é justamente o contrario, é imaginação, é fantasia,  que gera excitação e criatividade, inspiração nas Artes e na Literatura. O erótico gosta do imprevisível, é arriscado, exige elaboração cultural. É diferente da pornografia, obscenidade e vulgaridade. O erotismo gera códigos eróticos que variam de acordo com a nossa sociedade/meio ambiente.  Esta inteligência é totalmente possível de ser desenvolvida, pois é no contato consigo mesmo e com o outro que eu me torno apto, competente, é o tempo psicológico que envolve estarmos de fato presentes na relação, atentos aos desejos e pedidos do outro, ser criativos nos desejos e livre para a experiencia da fantasia.  Quando de fato temos certa apropriação da Inteligência Erótica, percebemos que o erótico é uma invenção, variação constante, incessante, enquanto que o sexo é sempre o mesmo, repetição e por tanto não exige Inteligência, muito menos erótica.

voltar